Lista telefônica

Presidente do Supremo convoca juiz Marcio Fontes - Jornal Cruzeiro do Vale

Presidente do Supremo convoca juiz Marcio Fontes

07/07/2017 09:28
Por Álvaro Correia, ex-parlamentar

No início do mês de abril de 2014, este jornal noticiou com o destaque merecido, que o juiz Marcio Schiefler Fontes tinha sido convocado para o alto posto de juiz instrutor criminal do Supremo Tribunal Federal, atendendo convite e indicação do saudoso juiz Teori Zavaski. Dotado de grande inteligência e capacidade de trabalho Marcio Fontes, destacou-se como o principal auxiliar do ministro Teori Zavaski que ganhou projeção nacional com o magistral trabalho que cumpriu na operação lava- jato.

Toda a equipe montada pelo ministro Teori Zavaski naquela operação que puniu dezenas de políticos e administradores corruptos, foi altamente elogiada pela imprensa nacional, pelo belo trabalho realizado. Mas o destaque maior coube ao juiz Marcio Fontes que realmente, mercê da sua competência, conduziu com brilhantismo os trabalhos na retaguarda, garantindo o sucesso da operação lava-jato. Com a morte do ministro Teori, Marcio Fontes desligou-se da equipe por ele montada e voltou para Santa Catarina, assumindo o cargo de juiz na Vara da Fazenda Pública de Tubarão.

Mas não foi por muito tempo, pois a ministra Carmen Lúcia presidente do Supremo Tribunal de Justiça, acabou de convocá-lo para assessora- lá naquela corte e ajudá-la a administrar os processos da lava jato.

O juiz Marcio Fontes foi nomeado membro da Comissão Nacional dos Direitos Humanos, e assessor direto da presidente do Supremo, ministra Carmen Lúcia.

Para Gaspar, não deixa de ser significativo e honroso o fato de um descendente desta terra, filho de tradicional família gasparense alcançar tão honroso destaque junto alta cúpula da magistratura brasileira.

O juiz Marcio é filho de Cláudio Barbosa Fontes, nascido em Gaspar e cujos pais são pessoas de destaque e projeção neste município. Carlos Barbosa Fontes (Carlito) já falecido, foi político, vereador e grande desportista, sendo fundador e patrono do Clube Atlético Tupi, cujo estádio leva seu nome, a esposa Ruth, reside em Florianópolis, onde acompanha com entusiasmo e vibra muito com as conquistas do neto juiz Marcio.

 

Edição 1808

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.